Entre os piores ataques do Brasileirão, SPFC aposta em Calleri

O primeiro turno do Brasileirão não foi nada fácil para o São Paulo. Com dificuldades no começo da competição e resultados ruins, o time está na metade de baixo da tabela. Um dos problemas que o time sofre é a falta de gols, ficando entre os times que menos marcaram na temporada. Pensando nisso, o clube buscou a contratação de Calleri e aposta no argentino para melhorar suas estatísticas ofensivas.

Com 15 gols marcados em 18 jogos, o São Paulo está empatado com o América-MG (17º colocado na tabela), o Juventude (14º colocado na tabela) e o Atlético-GO (7º colocado na tabela).

Os três estão apenas à frente de três equipes: Chapecoense, com 14 gols, Grêmio, com 12 gols e Sport, com oito gols. Os três últimos colocados na tabela do Brasileirão.

O Tricolor ocupa, atualmente, a 15ª posição da tabela, quatro pontos a cima do 17º colocado, o América-MG.

Pensando nisso e com poucas opções para a posição de centroavante, o São Paulo repatriou o argentino Jonathan Calleri, que teve grande passagem pela equipe em 2016.

O atacante cumpre o papel de centroavante ‘camisa 9’, sendo um atleta de menor mobilidade, mas com grande interpretação de espaço e capacidade de fazer gols, justamente o que o time carece no campeonato.

Treinando pela primeira vez com o restante do elenco, o atacante pode reestrear pela equipe já no próximo domingo (12), quando o time volta a jogar após duas semanas exclusivamente de treinos.

Fonte: Lance