Hernanes comemora volta por cima e atuação de Diniz nos bastidores

Neste domingo, o São Paulo derrotou o Corinthians por 2 a 1 e contou com o brilho de Hernanes, que marcou um golaço de falta e voltou a mostrar que pode ser fundamental para a equipe. Após a partida, o Profeta relembrou o momento de reflexões que teve neste ano, confirmando que pensou em deixar o clube.

“Um gol especial, por vários motivos. Principalmente pela vitória, acho que é o mais importante, porque a equipe tem objetivos grandes coletivos, não só individuais. O gol representa muito para mim, porque foi um período muito difícil, de várias incertezas. A vida é maravilhosa, tive a oportunidade de encontrar forças, motivos e razões para voltar a ficar bem, entregar tudo e me entregar de corpo e alma àquilo que sei fazer de melhor”, afirmou Hernanes.

“No começo do ano, a gente empatou com o Corinthians, mas eu fiquei muito triste com a minha atuação. Até aquele momento, tinha dado tudo para voltar a conseguir ajudar o São Paulo a vencer, mas não estava conseguindo ter boas performances. Saí daquele jogo com várias incertezas e pensamentos, depois veio a pandemia. Realmente, os pensamentos foram dos mais variados, a ponto de eu deixar o São Paulo também, mas o Diniz, o Pássaro, o Raí e o presidente tiveram compreensão e paciência de entenderem o meu momento. Os caras foram excepcionais, lutaram comigo e hoje posso estar aqui com a alma e o coração íntegros”, completou.

Além disso, Hernanes falou sobre o papel de Fernando Diniz na sua permanência no Tricolor. O jogador não poupou elogios ao tratamento que recebeu do treinador durante os últimos meses, destacando a tranquilidade que teve para tomar uma decisão.

“Eu expus para ele o que estava passando pela minha cabeça e pelo meu coração. Ele foi importantíssimo, porque me deu todo o respaldo, teve paciência. Ele me disse: ‘Quando você decidir o que quer fazer, fale para mim’. Ele me deu tempo, todas as condições. Não me forçou a nada, não disse o que eu tinha que fazer, isso é muito importante. Cheguei para ele e disse: ‘Tamo junto!’ Quero ficar aqui, fazer parte do projeto. Me coloquei à disposição total, pode pedir o que você quiser que eu vou dar o máximo para fazer aquilo que você entende que eu deva fazer”, finalizou Hernanes.

Com a vitória sobre o Corinthians, o São Paulo saltou para a segunda colocação, com 13 pontos conquistados. Na próxima rodada, a equipe visita o Atlético-MG, no Mineirão, na quinta-feira, às 20h.

Fonte: ESPN