Hernanes volta a marcar um gol de falta após 3 anos de jejum

Alguns jejuns chegaram ao fim na vitória por 2 a 1 do São Paulo para o Corinthians, neste domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O mais impressionante trata-se do gol de falta de Hernanes pelo time do Morumbi.

O chute do “Profeta” contou com a ajuda do goleiro Cássio e achou as redes aos 14 minutos do primeiro tempo. O Corinthians empatou ainda no primeiro tempo, com Ramiro, em falha de Tiago Volpi, mas o São Paulo encontrou a vitória nos acréscimos, com gol de cabeça de Brenner.

A última vez que Hernanes havia marcado em uma cobrança foi em um longínquo 9 de setembro de 2017, no empate por 2 a 2 com a Ponte Preta, também no Morumbi, há exatos 1086 dias, ou 2 anos, 11 meses e 21 dias.”

Naquele dia, a equipe entrou em campo com Sidão; Militão (Buffarini), Rodrigo Caio, Bruno Alves e Edimar; Jucilei, Petros, Hernanes e Lucas Fernandes (Marcinho); Pratto e Marcos Guilherme (Cueva). O técnico Dorival Júnior ainda tinha Diego Lugano no banco de reservas. Deste time, apenas Bruno Alves, que ficou no banco, e Hernanes, que foi para o Hebei China Fortune, da China, em 2018, e voltou ao São Paulo em 2019, seguem no elenco.

Foi, também o reencontro de Hernanes com o time titular e com o gol. Desde a volta após a pausa por causa da pandemia, o meia foi escalado desde o início apenas contra o Guarani, quando os reservas venceram por 3 a 1, na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista.

O último gol dele havia saído há 213 dias – 15 jogos de “seca” –, na vitória por 2 a 1 sobre a Ferroviária, fora de casa, também pelo Paulistão, em 29 de janeiro deste ano. Naquela partida, ele anotou o gol de empate de chute de canhota da entrada da área.

Além disso, depois de mais de 200 dias, o time voltou a marcar em cobrança de falta. O último gol em um tiro livre foi há 15 jogos e 203 dias, quando Daniel Alves cobrou da intermediária e contou com desvio na barreira para descontar na derrota por 2 a 1 para o Santo André, pelo Estadual, em 9 de fevereiro.

Fonte: ESPN