Pablo esquece 2019 e começa 2020 literalmente com o pé direito

A temporada de 2020 começou literalmente com pé direito para Pablo. Afinal, foi com um chute deste, de fora da área, que o centroavante abriu o placar da vitória do São Paulo sobre o Água Santa, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no Morumbi, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.

O gol serviu para o jogador virar a página do ano passado, quando sofreu com lesões. Em 2019, ele disputou apenas 28 jogos e marcou sete gols. O camisa 9 não balançava a rede havia pouco mais de dois meses e meio, desde 5 de outubro, dia em que abriu o placar da vitória são-paulina sobre o Fortaleza, por 2 a 1, no Pacaembu, pelo Campeonato Brasileiro.

— Estou muito feliz. Quero Agradecer a Deus e à minha família pelo gol, voltar a marcar depois de um período. Ano passado foi muito complicado, mas já passou. Não quero mais falar sobre isso, pois 2020 está começando muito bem. Esse gol dedico a um companheiro nosso, o Reinaldo, que está sendo pai mais uma vez — disse o camisa 9 ao canal SporTV, durante o intervalo, lembrando-se do lateral-esquerdo que foi liberado pela diretoria para acompanhar o nascimento da filha Rebeca.

Autor das assistências para Pablo e para Daniel Alves, Vitor Bueno valorizou a característica ofensiva do São Paulo.

No ano passado, tínhamos esse indicio de pressão o tempo todo, mas nos faltava criatividade. Estamos trabalhando para melhorar isso”, disse o atacante ao mesmo canal, após a partida.

Passada a vitória na estreia, o Tricolor já pensa na pedreira que pegará pela segunda rodada do Paulistão. No próximo domingo, às 16 horas, o time do técnico Fernando Diniz enfrentará o Palmeiras no Estádio da Fonte Luminosa. O Palmeiras, que é o mandante, levou o clássico para Araraquara porque o Allianz Parque está em obra de implantação do gramado sintético.

Fonte: Terra / Lance