Torcida protesta após a derrota no Morumbi

Tão logo a partida contra o Botafogo terminou, um grupo de torcedores começou a protestar no portão principal do Morumbi. No total, cerca de 30 são-paulinos, a maioria com a camisa da principal torcida organizada, pediam a contratação de reforços e a saída do presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco.

– Não é mole não, eu tô cansado de time amarelão.

– Vergonha, vergonha, vergonha, time sem vergonha.

– Ôoooo, queremos jogador…

Esses foram alguns dos gritos dos torcedores revoltados com a derrota para o Botafogo. Por falar em amarelo, aliás, o São Paulo estreou neste domingo um uniforme comemorativo com essa cor.

Os policiais militares observaram de longe o protesto, que durou aproximadamente 20 minutos. Alguns torcedores chegaram até a chutar o portão para tentar entrar, mas foram contidos pelos companheiros. No fim, houve voz de comando e todos deixaram o local.

Com a derrota por 1 a 0 para os cariocas, o São Paulo voltou a cair na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro e foi para o 11º lugar, com 26 pontos. Para a zona de rebaixamento, a distância é de cinco pontos.

[Globo Esporte]